Nao sinto falta…

10. DE CARNAVAL!  Nem um pouquinho! Detesto!

09. DE IMPOSTOS ALTOS! Mas um detalhe: nao sinto falta porque aqui eles sao altissimos tambem! A pequena diferenca eh que os impostos aqui nao sao desviados, mas usados realmente pra aquilo que sao designados! Todos pagam seus impostos altissimos com boa vontade: RETORNO 100% GARANTIDO!

08. DO JEITINHO BRASILEIRO! Sabe aquela coisinha, de sempre ter uma saida? Deixar tudo pra ultima hora, faz de qualquer jeito, porque sempre tem um jeitinho? Existe um “codigo” sem moral que norteia esse “jeitinho”, de levar uma vantagem aqui, outra ali, conhecer as pessoas certas, usar o QI (Quem Indicou!), e todo mundo fica sempre quietinho, talvez porque tenha o “rabinho” preso!!! Por aqui, jeitinho nao vai nao! Ou eh certo ou nao eh! Ou pode, ou nao pode e pronto! Simples assim!

07. DO TRANSPORTE PUBLICO! Nossa! Nem tem como sentir falta! Aqui temos 3 tipos de transporte: trens, onibus e trans (bondes)! Tudo eh planejado de forma a levar as pessoas pra todo lado, com horarios pontuais, podendo usar as tres conducoes, pra Melbourne inteira! E o preco, levando em consideracao tudo que se pode usar, e onde se pode chegar, eh bem em conta! Existem varias opcoes de tickets, de acordo com as necessidades! Voce escolhe a que melhor se encaixa em suas idas e vindas! Eu uso o cartao mensal, que me dah direito a todos os transportes, quantas eu vezes eu desejar, no periodo de um mes! Nada a reclamar! Chega-se a qualquer lugar que quiser, com conforto!

06. DA POLICIA BRASILEIRA! Minha cabeca estava ficando confusa no Brasil, sobre quem era bandido e quem era mocinho! A Policia por aqui realmente FUNCIONA! As Leis por aqui realmente sao aplicadas! As pessoas tem a dimensao de que quebrar as regras trara punicao real e efetiva! O Codigo de conduta moral e social por aqui existe, eh comum pra todos, aplicavel a todos, com eficiencia! Fez besteira? Vai responder por isso! Pra mim, uma coisa muito nova… Nao vi muito isso em meu pais…

05.DE CANTADAS BARATAS! Os homens desse pais sao bem educados! Uns “gentlemans”! Hahahahahaha! Posso usar minhas roupas de ginastica pra correr, vou sozinha, tranquila e nao ouco nenhuma “asneira”, nenhum desrespeito masculino! Na realidade, mal a gente pega uns olhares meio indiscretos! Quando um homem fala ou ensaia alguma coisa, pode ver que eh estrangeiro! Em sua maioria, indianos! No comeco, achei estranho! Dah uma senasacao de “feiura”, sei lah… Tudo bem, sou loira e aqui isso eh tao comum! Mas depois de um tempo e de conversar com varias mulheres, fiquei sabendo que o “PROBLEMA” nao sou eu, muito menos eles… Os homens brasileiros eh que sao “DESESPERADOS”!

04. DO DESEMPREGO! Sinceramente, quase nao vejo pessoas consideradas “pobre pobre pobre, de marre, marre, marre”! Tem emprego pra todo mundo, todo mundo ganha o suficiente pra morar, comer, vestir… Poucos mendigos, ou moradores de rua, e quando encontro sao limpos, bem vestidos, educados no pedir, e  ateh onde sabemos, optam pela rua! Saem de casa porque querem ou por insanidade mental! Gente pedindo no sinal? NUNCA vi… Criancas abandonadas nas ruas? Nunca vi… Quem quer trabalhar, TRABALHA!

03. DA  POBREZA! Tem muito a ver com o item de cima! Se tem emprego, dificil ver pobreza como a que a gente ve no Brasil ou em outros lugares do mundo…

02. DA POLITICA! Nem sombra de saudades… Aqui os politicos sao serios, nao brincam de trabalhar com a vida das pessoas ou com o dinheiro delas… Nao que nao exista corrupcao, ou politico mau carater; apenas existem Leis que sao cumpridas! E sao APLICADAS com rigor! Inibe qualquer nova tentativa!

01. DA VIOLENCIA! Disparado na frente de novo! Nao sinto falta dos noticiarios de TV, das mortes bestas, quando seres humanos parecem ter nenhum valor pro outro. Pode-se andar na rua sozinho, a noite, sem medo de ser roubado, sequestrado, assaltado ou morto pelo primeiro maneh que voce encontra! Meus filhos vao sozinhos, a peh, pro colegio, as criancas andam livremente de bicicletas, patins, brincam pela rua… As casas, em sua maioria, nao tem muros, portoes, ou grades na janelas… Alias, as janelas sao todas de vidro, as portas dos jardins e quintais tambem!  O que separa as casas sao cercas de madeira, nao muros! Carros dormem na rua, nao nas garagens, porque grande parte dos australianos usa a garagem como mais um comodo da casa… Guardam coisas, algumas tem sofa, geladeira… e os carros? Nas entradas das casas! Muito engracado! Levei bastante tempo pra acreditar, me acostumar e relaxar… Eu ficava desconfiada de tudo, qualquer barulhinho era motivo de ficar esperta! Agora quero ver quando for pro Brasil e tiver  que  FICAR ESPERTA DE VERDADE!!!!

5 comentários em “Nao sinto falta…”

  1. hahahahah, nao é que aparentemente temos quases as mesmas faltas e as mesmas nao faltas?
    é amiga, so quando a gente sai do brasil damos valor a ele..
    sabe que tenho uma amiga na Inglaterra ha 2 anos… no inicio ela nao gostava, chorava, falava poucas e boas ( ainda mais com filhos pequenos..). ontem falei com ela e percebi outro discurso…
    que neste momento nao trocaria a tranquilidade que ela tem por nada, que agora nao voltaria para o Brasil.. que ali ela consegue curtir os filhos, fazer varias coisas a pe sem se preocupar, que a qualidade de vida é sso , aquilo, bla, bla, bla… no final , vem a confirmaçao:”é pq vamos ficar aqui no maximo ate final do ano que vem… temos de aproveitar ne?”
    Como comentei com o Maridâo: na boa, se tivesse prrevisao de ir embora, um prazo, algo que poderia ser, e nao essa incerteza de nao saber quanto tempo ficaremos, eu tb tentaria aproveitar ao maximo daqui… mas do jeito que estamos, nao consigo, a angustia de ficar e ficar e ficar , sem saber quando vamos partir ( mesmo que fosse 2 anos, 3 anos.. sei la.. qq prazo… ersrsrrs) para mim é demais..
    Bem.amiga espero que vc consiga aos poucos se “adaptar” como ja falaram para mim…
    escrevi no post anterior, adaptada acho que estou, mas isso nao quer dizer que nao quero ir embora… ahahahah
    bjs dani

  2. Muito bem formulada sua lista!
    Realmente há coisas impossíveis no Brasil que ninguém sente ou sentiria saudades, e a maioria está na sua lista (exceto pelo carnaval, que é do gosto popular, apesar da minha preferência por passar o carnaval na praia que sempre vou, que é beeeem calminha, com no máximo uma bandinha contratada por amigos, que percorre toda a praia… uma coisa bem família/amigos!).
    Bjuxx*
    DRIK

  3. Oi Dani… pois eh… concordo! Aqui em casa fala-se em 5 anos, mas detesto pensar neles… Cinco? Parece uma eternidade! Mas eh melhor que NUNCA, ou NAO SABEMOS, neh?
    Adaptacao eh algo que acontece… estou ateh escrevendo um post sobre isso, um dia fica pronto! O ser humano se adapta a TUDO! Tudo mesmo! Vamos nos acostumar, tenho certeza! Mas me entristece pensar no “acostumar” como conformismo: Nao tem outra saida, entao acostuma! A gente se acostuma a muita coisa nessa vida e perde o melhor dela: o senso de novidade!
    E Adriana… eh verdade que Carnaval eh uma paixao nacional, admito, mas nao eh uma paixao pessoal pra mim… Por isso nao sinto falta nenhuma! Nem gosto de samba! Hahahahahah! Mas essa sua praia com familia/amigos eh bem diferente! Divirta-se MUITO!
    Beijos!

  4. adorei o item 5! cheguei há umas 2 semanas e já tava me achando o biscoito esfarelado do pacote: aquele que ninguém quer, sabe? hahaha
    ótimo o seu blog!🙂

  5. Hahahahahahha! Sei sim, Le!
    Tambem me senti assim no comeco, comecei a ficar preocupada! Comecei a me achar feia, gorda, sei lah… Mas depois compreendi! Pode ficar tranquila!!!
    Beijos! E obrigada!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s