A “Palhaçada” Nas Eleições Brasileiras…

Já mencionei aqui num outro post e refaço minha afirmação: se tem uma coisa da qual NÃO SINTO FALTA do Brasil, é a Política! Tenho muito orgulho, sim, de sermos um país “democrático” ( nem tanto, na minha humilde opinião), de termos um sistema de voto de Primeiro Mundo (embora no Primeiro Mundo eles não tenham um sistema como o nosso! Nas últimas eleições aqui na Austrália, levaram dias e dias apurando os votos!), de termos “liberdade” para discutir, conhecer e se aprofundar nas questões políticas e sociais do nosso país. Tudo isso foi conquistado com muita luta, depois de anos de ditadura militar e muito sofrimento do povo brasileiro. Hoje, o Brasil é respeitado politicamente falando em todo o mundo, com a quarta democracia mais forte do planeta!

Mas vamos falar sério??? Fiquei chocada quando vi o resultado para Deputado Federal. Sem nenhuma ofensa pessoal ao Tiririca, mas como um povo que pensa em mudar seu rumo político, mudar sua história, um povo que reclama tanto de seus políticos e suas atitudes, pode tê-lo como Deputado Federal do PR, o  MAIS VOTADO DO BRASIL, com 1.353.000 votos? Sim, mais de um milhão de votos para o Tiririca???

Desanimo com situações como essa! Desanimo de ver um Brasil novo, um Brasil moderno, rumo ao crescimento e desenvolvimento. Um Brasil que muitas vezes dá sinais de amadurecimento, de crescimento invejável, como por exemplo, duas horas depois já termos resultados confiáveis da eleição em vários estados… Mas a manisfestação do povo ao votar no citado “palhaço”, não me faz pensar em revolta contra a corrupção, nem desejo de mudança, nem maturidade para escolher… isso me soa como INFANTILIDADE política, desprezo pela preciosidade e unicidade do VOTO, desvalorização da própria cidadania!

E agora aguardemos pela “palhaçada” posterior, quando os candidatos começam as chamadas “coligações” para o Segundo Turno. Eles se atacam, quase se matam durante o Primeiro Turno, correm atrás das sujeiras passadas e jogam isso no ventilador, tornando os horários eleitorais gratuitos em momentos desagradáveis e, no mínimo, constrangedores, quando, na realidade, deveríamos ter esses momentos para conhecer as idéias e os projetos de cada candidato. Aí, no fim,”arqui-inimigos” dividem palanques, trocam abraços e apertos amigáveis de mãos. H-I-P-O-C-R-I-S-I-A!

Já me decepcionei muito em eleições passadas, quando eu me identificava totalmente (e ideologicamente) com os candidatos que escolhi, e posteriormente eles acabaram se coligando com gente desonesta, com ladrões descarados, gente tipo “que rouba mas faz”, entende? Por isso, não manifesto minha opinião, nem minha preferência para Presidente, porque posso ter uma nova decepção, mesmo não votando, ou estando fora do Brasil nessas eleições. De coração, espero que a pessoa que hipoteticamente receberia meu voto (e minha credibilidade!) não se alie àqueles em quem eu JAMAIS votaria por questões de ética e valores morais. E que Deus nos ajude. Embora tenha gente acreditando “nesta eleição nem mesmo Cristo querendo, me tira essa vitória”, que Ele seja o Árbitro em TODAS AS COISAS…

 

10 comentários em “A “Palhaçada” Nas Eleições Brasileiras…”

  1. Olá Carol

    Concordo totalmente contigo… é desanimador….uma pena as pessoas não levarem o futuro do país a sério… bj pra vc

  2. Oi Carol!
    Seu post me fez lembrar uma frase que li no twitter “…o brasileiro perde o país, mas não perde a piada”.
    Não sei se vc ta acompanhando as noticias da política em Brasília…se puder assista este video:http://www.youtube.com/watch?v=jKlSGzQe-tI
    Essa senhora aí foi a candidata que o povo tapado daqui levou pro segundo turno! O marido dela desistiu das eleições uma semana antes da votação, devido a lei da ficha limpa, e a jogou de pára-quedas como candidata. Ela não sabe nada x nada como vc pode ver no video, mas mesmo assim o povo a levou para o segundo turno tendo em vista q o marido dela é o responsável pela criação das troscentas favelas que temos aqui, isto é, ele dá lote e o povo que se vire com saneamento, saúde, transporte…Brasília está uma zona!
    Viramos motivo de chacota no país inteiro, nos sites e programas de humor…é dificil ter esperança assim! Foi uma das poucas vezes que tive muita vergonha de ser brasiliense!
    Desculpa o desabafo!!!
    Abraço…e espero que dias melhores venham por aí!

    1. Olá Patrícia!

      Estou acompanhando sim! Inclusive vi uma reportagem falando que não deu nem tempo de mudarem a foto na urna eletrônica e o povo votou nela com a foto do marido, o Roriz, dando a entender inclusive que o povo votaria nele sem problemas, independente de todos os podres que envolvem seu nome!
      De fato, isso deixa a gente desanimada. Vou além. Fico TRISTE! Amo o Brasil e queria muito vê-lo diferente, ainda mais agora que conheço outra realidade política e econômica, e SEI que as coisas podem funcionar, se as pessoas FUNCIONAREM!
      A política funciona, os projetos funcionam, as leis funcionam… As pessoas por trás disso tudo é que NÃO FUNCIONAM!
      Hoje eu vejo isso claramente. Tudo depende da Educação, da índole, do caráter, da linhagem do povo… E me entristece ver um Brasil corrompido, desonesto, bagunçado, motivo de chacota!
      E me entrsitece ainda mais ver um povo conivente com toda essa “palhaçada”!
      Não se desculpe pelo desabafo… Acredito que todos os brasileiros sérios e que desejam melhoras reais em seu país sentem o mesmo que a gente…

      “Vivemos esperando dias melhores… Dias melhores prá sempre!” Jota Quest

      Abraços!

  3. Sabe que se o Tiririca fosse o único problema entre os deputados eu até ficaria feliz? Dá tristeza – e vergonha – ver a lista de eleitos em Minas. Nem quis olhar dos outros estados😦

    1. Nem me fale, Cíntia!

      Citei o Tiririca porque ele foi o único que se intitulou “abestado”, “palhaço”, o único que assumiu nem saber o que faz um Deputado, assumiu que quer ajudar sua família, coisas assim… Até porque ele já era uma pessoa pública e se valeu disso prá ser eleito!
      Mas realmente, se a gente pesquisar à fundo, acaba descobrindo novas pérolas eleitas, como o ex jogador Romário, entre outros…
      “Dá tristeza – e vergonha -” olhar para o quadro desenhado nessa eleição. Fala-se tanto de mudança, de consciência, mas na hora de usar o voto prá fazer isso, o brasileiro parece-me ter uma amnésia, um surto de ignorância, sei lá…

      Só Deus prá iluminar a mente das pessoas…

      Um abraço!

  4. Eu não tenho mais ilusão de que as coisas possam ser sérias na política. O sistema todo é corrompido. Não funciona. Você pode até eleger alguém que realmente tenha boas intenções mas não conseguirá governar de modo independente. Sem coligações não se elegem e com elas não se tem controle sobre o que cada partido ou representante fará por debaixo dos panos. A mídia como sempre só mostra a corrupção de alguns partidos. Outros são convenientemente esquecidos. Eu nem vejo mais noticiário. Não confio na imprensa, nos politicos ou quem quer que seja fora da minha família ou círculo de amigos verdadeiros.

    1. Oie Andre…

      Infelizmente, a gente fica descrente mesmo, em tudo!

      Mas a esperança deve ser a última a morrer, sempre!

      Abraço solidário!

  5. O Brasil não é um país sério e acho que nunca o será (tomara eu não tenha razão mas aqui sou pesimista), além de achar que as lombadas são as maiores do mundo todo nesse país.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s