Pior Que É Verdade!!!

Várias vezes já recebi esse texto por email… Sempre pensei em blogar, mas sinto vergonha… Vergonha de admitir que tudo isso acontece mesmo! E quando leio isso, começo à me questionar: será que podemos reclamar mesmo? Essa “coisa” não está já arraigada no cárater do povo brasileiro? Não faz parte já do nosso DNA? Morando aqui, a gente se depara com brasileiro fazendo cada coisa feia, tentando dar jeitinho em tudo, dar nó em pingo d’água, envergonhando a gente até no exterior… Soubemos de um brasileiro aqui que alugou um apartamento mobiliado e levou tudo pro Brasil quando voltou!!!  Aí eu penso: não basta mudar de país, de trabalho, ter uma oportunidade de crescer na vida, de aprender, de amadurecer… Tem que questionar a índole, o caráter, sondar aquilo que a gente realmente é, naquilo em que acredita e respeita. Amo ser brasileira, mas muitas vezes sinto vergonha disso. Julgue você mesmo. Eis o texto:

Os brasileiros reclamam de quê, afinal?

Eles:
– Falam no celular enquanto dirigem;
– Trafegam pela direita nos acostamentos num congestionamento;
– Param em filas duplas, triplas em frente às escolas;
– Saqueiam cargas de veículos acidentados nas estradas;
– Estacionam nas calçadas, muitas vezes debaixo de placas proibitivas;
– Estacionam em vagas exclusivas para deficientes;
– Subornam ou tentam subornar quando são pegos cometendo infração;
– Trocam votos por qualquer coisa: areia, cimento, tijolo, dentadura;
– Violam a lei do silêncio;
– Dirigem após consumirem bebida alcóolica;
– Furam filas nos bancos, utilizando-se das mais esfarrapadas desculpas;
– Espalham mesas e churrasqueiras nas calçadas;
– Pegam atestados médicos sem estar doentes, só para faltar ao trabalho;
– Fazem gato de luz, de água, TV a cabo e banda-larga;
– Registram imóveis no cartório num valor abaixo do comprado, muitas vezes irrisórios, só para pagar menos impostos;
– Compram recibos para abatê-los na declaração do imposto de renda;
– Mudam a cor da pele para ingressar na universidade através do sistema de cotas;
– Quando viajam a serviço pela empresa, se o almoço custou 10 pede nota de 20;
– Comercializam objetos doados nessas campanhas de catástrofes;
– Adulteram o velocímetro do carro para vendê-lo como se fosse pouco rodado;
– Compram produtos piratas com a plena consciência de que são piratas;
– Substituem o catalisador do carro por um que só tem a casca…
– Diminuem a idade do filho para que este passe por baixo da roleta do ônibus, sem pagar passagem;
– Emplacam o carro fora do seu domicílio para pagar menos IPVA;
– Freqüentam os caça-níqueis e fazem uma fezinha no jogo do bicho;
– Levam das empresas onde trabalham, pequenos objetos como clipes, envelopes, canetas, lápis… como se isso não fosse furto;
– Comercializam os vales transporte e refeição que recebem das empresas onde trabalham;
– Falsificam tudo, tudo mesmo… só não falsificam aquilo que ainda não foi inventado…
– Quando voltam do exterior, nunca falam a verdade quando precisam declarar o que trazem na bagagem…
– Quando encontram algum objeto perdido, a maioria não devolve;
– Compram carteirinhas de estudante apenas para pagar meia nos eventos…

E a lista pode aumentar, se cada um de nós acrescentar uma coisa que já viu ou ouviu por aí…

E querem que os políticos sejam honestos…
Estes políticos que aí estão não são estrangeiros! Saíram do meio desse mesmo povo. Precisamos mudar, urgentemente!”

Lendo isso, começo à pensar que o Tiririca não merecia apenas o cargo de Deputado Federal. A Presidência da República, para um povo como esse, lhe cairia MUITO bem…

Chega de TANTA palhaçada de todo o povo brasileiro!!!

4 comentários em “Pior Que É Verdade!!!”

  1. Uma verdade que entristece, como vc disse parece que está no DNA, pois cenas de brasileiros no exterior dando vexame são uma realidade.
    Por muitas vezes senti vergonha da minha nacionalidade.
    Reclamar do Brasil, sair de lá à procura de um ‘lugar melhor’ e levar a bagagem da corrupção não mudará a vida de ninguém.
    Ficar no Brasil reclamando que está tudo errado e não começar se corrigindo, também não ajudará em nada.
    Felizmente ainda é possível encontrar uma minoria com caráter, que ousa fazer a diferença e que tem orgulho de não ter o ‘jeitinho’ brasileiro.

  2. Olá Di…

    Sim, entristece e muito! Dia desses a gente tava conversando sobre a diferença entre as Leis, as atitudes, a educação e a linhagem do povo brasileiro e do australiano. Coisas que aqui são normais prá eles, pro povo brasileiro seria uma chance de dar golpe, de abusar da credibilidade e da boa fé dos outros…
    Mas aí a gente olha prá história do povo e é obrigado à reconhecer essa coisa da linhagem mesmo, desde os primórdios o nosso povo é acostumado à corrupção, ao chamado “jeitinho brasileiro”, à forma não muito correta de fazer as coisas..
    Seria preciso uma mudança geral e, na minha (humilde) opinião, SÓ A EDUCAÇÃO MUDA O BRASIL!!! Mas isso é um processo, e leva tempo… Teria que começar JÁ, prá termos resultados positivos à longo prazo!

    Abraços!

  3. Olá, Carolina!

    Li o seu post em relação às injustiças no Brasil. É..elas estão pelo mundo inteiro, mas, vamos concordar que esse tipo de injustiça não é exclusiva do Brasil.

    Infelizmente, isso acontece mundo inteiro! Veja o caso do governador italiano Piero Marrazzo, que pediu demissão do cargo após ser descoberto tendo envolvimento com travestis brasileiros.

    Acho que esses e tantos outros problemas são desafios que devemos enfrentar. Assim como em outras culturas existem problemas do tipo: inferiorizar a mulher a ponto de apedrejá-la em público, como acontece no Irã e mais recente com o caso de Sakineh.

    O problema é que a mídia enfatiza muito o Brasil, por ser um país de economia emergente e que, de certa forma, assusta e muito outras potências. Essa história que você falou, eu já ouvi uma igual de uma amiga que esteve na Suíça. Achei muita coincidência.

    Outra amiga que foi a Espanha disse-me por e-mail quando estava lá, que teve que conviver com o egoísmo e o preconceito dos espanhóis que achavam que ela tinha ido para aquele país se prostituir. Detalhe: ela estava fazendo um doutorado sanduíche. A mesma chegou a ser agredida verbalmente e foi vítima de assédio sexual.

    Ainda lembro da copa de 1986 quando um dos jogadores argentinos, Diego Maradonna, o famoso mão santa, ganhou a partida de futebol com uma de suas jogadas fabulosas: o gol de mão. Isso é que é injustiça!

    Acho que vivemos um período na história da humanidade em que as pessoas estão cada vez mais desumanas, a ponto de discriminar matar o próprio irmão. Precisamos lutar contra isso, definitivamente!

    1. Olá Viegas!
      Na realidade, neste post, eu não estava me referindo à injustiças, mas ao “jeitinho brasileiro”, que não suporto, essa coisa de sempre levar vantagem em tudo! Isso nada tem a ver com injustiça, mas com EDUCACÃO, com cárater, e conduta moral! Isso sim desestrutura qualquer povo, qualquer sociedade…

      Concordo sim com muitas coisas que você disse; o ser humano em geral está vivendo sua época de pior degradação, eu acho. O ser humano no geral. Mas, SOU BRASILEIRA, e a degradação brasileira me incomoda um pouco mais, porque aperta bem no MEU CALO. Vejamos: pelo menos o tal governador italiano pediu demissão do cargo; nossos políticos continuam dando uma “de santo” mesmo depois dos escândalos descobertos!
      Inferiorizar a mulher é comum no mundo todo. Até hoje muitas mulheres brasileiras recebem menos que homens, ocupando os MESMOS cargos.
      E vamos combinar, né, a imagem que o Brasil tem no mundo todo é de Carnaval, mulheres nuas com toda a facilidade, futebol e agora Tropa de Elite 1 e 2! A culpa de sua amiga na Espanha ter sido “confundida” vem da venda da imagem equivocada da brasileira ao redor do mundo…
      E vexame no futebol, o Brasil tem prá dar e vender… Até juízes são comprados prá entregar resultados!
      As injustiças do mundo inteiro me incomodam e me tiram o sono, mas convenhamos, as brasileiras me incomodam mais porque não conheço outro país com tamanho grau de IMPUNIDADE!
      Grande abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s